segunda-feira, março 09, 2009

PERANTE TI


Nas madrugadas do meu ser

Me faço sonho e ilusão

À espera que seus raios alvorada

Ascendam meu acordar

Em luz e contemplação

Na magia do se dar

E por natureza receber

Como a neblina que se faz

Em orvalho derramar

Na terra que faz brotar

A rosa que desabrocha

Ao flerte da borboleta

Que por si se faz beleza

E afaga em cores a mansidão

Que canta na melodia dos pássaros

A vida que se renova

Em vida me faço amor

Em amor me faço querer

E vislumbro em ti meu dia

No aguardo da noite Lua

No horizonte se ponha nua

Resplandecente por não saber

Quão singela se demonstra

Perante Ti.


BOA SEMANA

ANJA

2 comentários:

Luísa disse...

Anjinha
Que texto lindo!

Andas inspirada...

Mas triste, tá tdo bem ctg?

Dá noticias...

Beijinhos

Luisa

Seawulf the Viking disse...

Lindo poema!!! Adorei seu blog!
Beijoss